Como dizer carona em inglês e espanhol?

WhatsApp Image 2018-01-21 at 21.17.17

Em inglês é muito comum o uso da palavra ‘ride’ (US), ou se a pessoa for pedir carona na estrada, a palavra é hitchhike (verbo), e também hitchhiker, que é a palavra para mochileiro. Mas se o que você quer é pedir carona a um colega, parente ou amigo para distâncias curtas as palavras são ride (US) e lift (Inglês Britânico).

Can you give me a ride/lift home?

My cousin used to hitchhike a lot when she was young. (andar de carona)

Minha prima/Meu primo costumava andar muito de carona quando era jovem.

Agora, em espanhol a coisa fica difícil de dizer. Geralmente, se diz “llevar alguién”, já encontrei ‘pedir un aventón’ ou ‘ir de aventón’ , ainda ‘chance’ (Colômbia/fonte: wordreference.com).

Encontrei ainda o uso do Spanglish, ou seja, o uso do mesmo termo por falantes das duas línguas, espanhol e inglês: Dáme un ride?

É isso!

Para mais dicas, vídeos e enquetes, segue a gente no Instagram @way_idiomas.

😀

 

 

Anúncios
Publicado em aprendizagem, dúvidas, espanhol, inglês, inglês instrumental, línguas, leitura instrumental, Sem categoria | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Você usa Podcasts para aprender inglês?

PODCASTS

 

Olá! 😀

Hoje vou falar um pouco sobre Podcasts.

Sempre falo para as pessoas para aproveitarem o que a tecnologia oferece para aprenderem mais e melhor,  mas às vezes o que já faz parte do meu universo ensino/aprendizagem para os alunos pode não parecer tão comum assim, então achei importante falar aqui como surgiram os Podcasts, e a importância deles para a aprendizagem de línguas–ou qualquer outra área de estudo também.

Os Podcasts surgiram em 2004 por causa do formato utilizado pelo jornalista Adam Curry para transferir o áudio para o iTunes. O termo Podcast é atribuído ao  jornal britânico The Guardian. Para saber de toda a história leia http://diadopodcast.com.br/historia/ . Bom, hoje os Podcasts utilizam outros sistemas além do iPod, mas eu não saberia explicar estes detalhes. :-/ O que posso dizer é que o termo é uma junção do iPod e broadcast.  Segundo o dicionário http://www.wordreference.com/enpt/broadcast , ‘broadcast’ significa transmitir por rádio ou televisão. Você pode conferir a história dos Podcasts em http://www1.folha.uol.com.br/folha/informatica/ult124u19678.shtml

Então é isso… bom mas o que eles têm a ver com seu aprendizado de línguas?

Ouvir Podcasts pode ser uma das maneiras mais naturais de se ter contato com o inglês, já que a interação com pessoas que falam o idioma pode não ser tão comum no dia a dia ( a menos que você esteja vivendo em um país de língua inglesa). Assim, ao escutar Podcasts regularmente– todos os dias seria o mais indicado– você aumenta sua chance de aprender mais sobre a língua, aprender os sons, e também adquirir mais vocabulário para se comunicar. O ideal é ouvir o Podcast acompanhando o script ou texto. Abaixo estão alguns links:

http://www.eslpod.com/website/index_new.html# 

http://www.bbc.co.uk/podcasts/series/tae

http://www.bbc.co.uk/podcasts/series/6min_gram

http://www.bbc.co.uk/podcasts/series/6min_vocab

So, let’s listen!

Publicado em aprendizagem, ensino, línguas, Sem categoria | Marcado com , , , | 5 Comentários

Preposições em inglês: como acertar?

PREPOSITIONS

Bom, as preposições em inglês são um problema para muitos alunos brasileiros. Mas, o que são preposições? São aquelas palavras, curtinhas em sua maioria, que você vê toda hora rs… nada técnica esta explicação! Ok. Vamos aos exemplos: in, on, at, with, to, for, without, from… As preposições de tempo/lugar mais comuns são IN, ON, AT. Vamos aos usos:

Tempo (time) – antes dos dias da semana e datas completas:

I go to the gym on Mondays and Wednesdays. (Eu vou à academia nas segundas e quartas)

My birthday is on May 10th.

Antes de meses e anos: She moved here in September. (Ela se mudou em setembro)

She started working here in 2015. (Ela começou a trabalhar aqui em 2015)

Antes de horários: The meeting starts at 5:30. ( A reunião começa às 5:30)

Lugar (Place) – Locais fechados e territórios delimitados, que não sejam abertos ( há exceções!):

I live in Brazil. (território)

I was in the bank and couldn’t answer the phone. (Eu estava no/dentro  do banco e não pude atender o telefone)

Lugares abertos: praias, fazendas, montanhas…

I was on the beach all day (eu estive na praia o dia todo)

The boat is on the island already. ( O barco já está na ilha)

Veja a diferença: People in the island… (As pessoas na ilha – falando dos habitantes que vivem no território)

Locais em geral, falando de localização, especialmente antes de nomes próprios:

I was at the university/ at Unicamp.

People were waiting at the church. (As pessoas estavam esperando na igreja – localização, geralmente seguido por the)

Veja a diferença: People were waiting in church during the storm. (As pessoas estavam esperando na (dentro) igreja durante a tempestade)

O mais importante para aprender é sempre prestar atenção nas frases faladas ou escritas, notando os diferentes usos.

Para dicas de como usar as preposições com verbos e aprender a diferença entre TO e FOR, assista meu vídeo.

Publicado em aprendizagem, dúvidas, ensino, inglês, inglês instrumental, línguas, Sem categoria | Marcado com , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

El verbo gustar

MAFALDA

Hola! Qué tal?  Este post é sobre a estrutura para o verbo gustar, que é muito diferente no espanhol. Vamos aos exemplos:

Me gusta el café.

Notem que não usamos Yo (eu) + gustar. Esta estrutura não existe em espanhol.

Vamos usar (a mi) me gusta + substantivo no singular, e no lugar da preposição ‘de’, usamos o artigo definido ou pronome possessivo.

(A ti) Te gusta mi café? Sí, a mí me gusta mucho.

Se o substantivo for plural: (A ella) le gustan las películas españolas.

Quando o complemento for verbo, sempre singular: Me gusta comer los postres (sobremesas).

Mas, olhe estas exceções: Me gustas (tú). Eu gosto de você. OU

Te gusto (yo)? , quando pergunto se a pessoa gosta de mim. Ou seja, o verbo gustar combina com o complemento que vem depois dele.

Curiosidade: dizemos ‘curtir’ para redes sociais, em espanhol dizemos ‘me gusta’.

Hasta pronto!:-)

 

Publicado em aprendizagem, dúvidas, espanhol, Sem categoria, vocabulário | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Aprendendo inglês com séries

É possível aprender inglês assistindo séries? Sim.  Você pode aprender assistindo com a legenda em português, para começar, e depois com a legenda em inglês, quando já tiver se acostumado aos sons da língua. Mas, lembre-se que é importante ler também porque assim vai ter um vocabulário mais variado, já que o inglês das séries é sempre coloquial, ou seja, informal.

Ter um inglês comunicativo em vários ambientes é muito importante, já que você pode precisar comunicar-se em várias situações, desde viagens à entrevistas de trabalho, palestras, etc. Se tiver condições de fazer um curso, escolha bem, já que muitos cursos ‘cool’ não se preocupam com a qualidade mas sim com tendências, festinhas, e atividades não relacionadas ao ensino só para ganhar seu dinheiro. Procure cursos que combinem custo e benefício, mas sempre de olho na qualidade: o curso tem professores com certificação? Trabalha com material didático de editoras internacionais? Te oferece uma metodologia bem fundamentada ou não sabe nem o que são as metodologias de ensino e aprendizagem?

Deixo abaixo um episódio do canal Aprenda Inglês com Séries.

😉

Publicado em aprendizagem, dúvidas, ensino, inglês, inglês instrumental, línguas | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Seu currículo: a importância de um idioma estrangeiro

FALAR

Olá! Você pode estar se perguntando como fazer para aprender um idioma se está desempregado. Bom, para começar, mantenha uma atitude positiva! É possível sim aprender sem gastar… é claro que um curso especializado ou um intercâmbio acelera muito o processo de aprendizagem, mas você sabia que o item mais importante nesse caso é o interesse para aprender?

Na Internet há inúmeros aplicativos para se aprender uma língua estrangeira, desde os mais básicos como Duolingo à videoaulas, com professores nativos ou brasileiros. O Youtube oferece uma imensidão de oportunidades para quem quer aprender um idioma.

Os meus preferidos para aprender inglês, considerando-se que é a língua que tem o maior peso no seu currículo, são: Carina Fragoso, A Tia do Inglês,  mmm English com a Emma, site inglês na ponta da língua. Há também os Podcasts (tem um post aqui só sobre eles).

Assista minha entrevista sobre o assunto.

http://g1.globo.com/mg/vales-mg/intertvnoticia-vales/videos/t/edicoes/v/pesquisa-indica-que-perfil-bilingue-aumenta-chances-de-promocao-no-mercado-de-trabalho/6068493/

 

 

 

Publicado em aprendizagem, ensino, inglês, inglês instrumental, línguas, mercado, Sem categoria | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Muy x Mucho

muy

Hola! 😀

O post de hoje está relacionado a uma dúvida que muitos estudantes de espanhol têm:

Como usar Muy e Mucho/a?

Bom, usamos muy para adjetivos e advérbios:

Susanita es muy lista (Susanita é muito esperta/inteligente)

E usamos mucho/a/os/as com substantivos:

Hay mucha gente aquí.

Muchas personas no hablan español muy bien.

Hace mucho calor hoy.

Também após verbos:

Los chicos hablan mucho!

Para saber mais, indico um dicionário bilíngue online que ‘me gusta mucho!’ 🙂  http://www.wordreference.com/espt/mucho

Hasta pronto!

Publicado em aprendizagem, dúvidas, línguas | Marcado com , , | 1 Comentário